Pages

terça-feira, 23 de abril de 2013

Pelo mundo afora... Por Silvio Serafim




Bom pessoal, depois de dois anos de puro tédio, resolvi arrumar as malas e sair um pouco da cidade, deixar esse clima de falsas mudanças, e de vasta criminalidade, procurei um destino e com um pouco de sorte e organização consegui com pouco gasto partir rumo à região Centro-Oeste do País, destino Mato Grosso do Sul.

Meu objetivo era simples, visitar alguns parentes e mais uma vez passear no País Vizinho (Paraguai), não pessoal eu não fui comprar muamba lá não, fui apenas colocar meu portunhol em prática e tirar algumas fotos. Afinal de contas sou apaixonado por fotografias, depois de 6 horas de voo (levando em conta o tempo gasto nos aeroportos) e 2 horas e meia de carro chego a Dourados, minha primeira felicidade ao chegar lá nem foi o fato de rever parentes e amigos, foi o fato de ter encontrado uma temperatura agradável (22°C) e um clima nublado indicando chuva (algo que por aqui está escasso), depois de alguns dias com os familiares resolvi ir à província de Amambay, cidade de Pedro Juan Caballero.

Um pouco sobre a cidade

A cidade fica situada a 467 km da capital Assunción, tem uma população aproximada de 115.000 habitantes, faz fronteira com Ponta Porã (A Avenida Internacional separa as duas cidades), o comércio é a maior fonte de renda na cidade, um bom local para fazer compras é o Shopping China, preços acessíveis e com a tranquilidade de conseguir comprar produtos com nota fiscal.

Registro fotográfico da viagem

Às 6 horas da manha me desloco com meu primo, minha mãe e um colega meu destino Pedro Juan Caballero,cerca de 130 km de distância. Antes de conhecer a cidade uma passeada no centro, ver o preço e comprar algumas lembranças (afinal de contas não é nada demais), após o almoço seguimos pela cidade a procura de fatos para registrar belas fotos.Tive o azar de chegar e o museu Regional de Amabayestar fechado, mas a cidade tinha lugares interessantes para visitar, como a Praça da Independência, os monumentos em memória dos combatentes na guerra do Paraguay a Avenida Internacional etc. 

Quando menos imaginei já estava próximo das 16horas horário combinado para pegar a estrada de volta a Dourados. No fim ficou aquela sensação que a viagem poderia ser melhor, com isso colocando as finanças no papel pretendo ainda esse ano voltar e fazer um trajeto maior e preferência uma visita a capital Assunción.


 Antes da viagem conversas com os amigos.

2 comentários:

  1. Massa. Gostei desse quadro no blog, amore. Gostei também do texto do Silvio Serafim. Parabéns.

    ResponderExcluir

Obrigado por comentar!
Continue nos visitando!