Pages

quarta-feira, 8 de janeiro de 2020

Fogo atinge vegetação na Serra da Barriga, em União dos Palmares

 https://img.7segundos.com.br/ISaL7JI4slOcnDO2_OE4WeyjtHs=/460x320/smart/s3.7segundos.com.br/uploads/imagens/146569-whatsapp_image_2020_01_08_at_07_08_52_jpeg.jpeg

No final da tarde desta terça-feira (07), um incêndio atingiu a vegetação do Parque Memorial Quilombo dos Palmares, na Serra da Barriga, localizada no município de União dos Palmares.

O Corpo de Bombeiros Militar (CBMAL) foi acionado por volta das 17h e enviou uma viatura com quatro militares ao local. A equipe conseguiu conter o incêndio, que podia ser visto de longe pela nuvem de fumaça formada. 
Ainda não se sabe o que causou o fogo na vegetação.

domingo, 5 de janeiro de 2020

Sou pai de CORAÇÃO


A primeira imagem dessa postagem é de 2014. Há exatos 06 anos eu e a turminha possamos para a fotografia acima, os mesmo faziam 6º ano do ensino fundamental II. Atualmente fazem ensino médio aqui no município.

Leciono Geografia, História e Cultura Palmarina na Escola Municipal Dr. Antonio Gomes de Barros, situada em Rocha Cavalcante, distrito de União dos Palmares. Como professor convivo com essa geração que é "VITALIDADE NA VEIA".

Como não constituie família e não tenho filhos biológicos, alguns alunos são tão próximos e, carentes de afetos paternos que falam que sou pai deles. 
(Aceito 💓💕💖💗💙)

Essa relação fraternal com alguns e amigável com a grande maioria dos estudantes refletem no aprendizagem deles, já, que se tornam Parceiros de Sala de Aula.
 
Quando vão embora para outro estado ou mesmo para uma nova instituição continuar os estudos em outro nível educacional o contato é via redes sociais ou pequenos encontros aqui mesmo em União, algo que faça com alguns aluno/as.

O aulista Isaías Barbosa é um modelo dessa ligação citada no texto, nós nos  encontramos todo mês na terrinha para bater um papo e matar a saudade de anos de contatos e outros mesmo não estudando comigo participam das minhas aulas de campo...

Tornaram-se filhos de coração!!! 👨👧👦💟
 

domingo, 29 de dezembro de 2019

Jogador de União dos Palmares com passagem pelo Fluminense é adquirido por clube japonês


Contratado por empréstimo junto ao Fluminense, o atacante Lucas Fernandes defendeu o Esporte Clube Vitória em 2018, mas ao término da temporada, não permaneceu e foi emprestado ao Consodole Sapporo, do Japão, com valor fixado. 

Após 40 partidas disputadas e 3 gols marcados, o time japonês exerceu a opção de comprar prevista no contrato e ficou com o jogador em definitivo. O negócio será oficializado assim que abrir a janela de transferências no país asiático.

Natural de União dos Palmares (AL), Lucas Fernandes, de 25 anos, começou nas divisões de base do Esporte Clube Vitória ainda no Sub-15, mas se profissionalizou no CRB em 2013. 

Acumula passagens ainda por Bonsucesso, Luverdense, Avaí, Atlético Paranaense, Fluminense, Paraná. Defendeu o Vitória em 2018, emprestado pelo Fluminense, entrando em campo 30 vezes e marcando 3 gols. 

Em 2019, foi emprestado ao Consadole Sapporo, do Japão, com valor fixado para compra. 

Na primeira temporada no futebol japonês, atuou 40 partidas e anotou 3 gols.

Fonte: Futebol Bahiano 

sexta-feira, 20 de dezembro de 2019

#FelizVida pra mim!



#FelizVida pra mim!  
Ao DEUS da minha existência dedico meus 48 anos!!!  
Neste momento SOU GRATO, SOU GRATO e SOU GRATO por mais um aniversário! Obrigado meu Deus, pela vida e, por tudo que tenho para poder viver!  
Bem-agradecido meu DEUS por tamanha abundância em todos aspectos da minha vida. Seja ela emocional, física, financeira, social, educacional em outras.
#Gratidão por me fazer uma pessoa melhor a cada dia... Tenha tanto orgulho no homem que me tornei e, sei que posso melhorar com o passar dos anos, e será isso que farei neste novo ciclo da minha #VIDONA
Vou repetir as frases que mais usei nos últimos meses #ObrigadoUniverso #Gratidão #EuFaçoAcontecer #SouGratoSouGratoSouGrato

domingo, 24 de novembro de 2019

Recuperação de nascente eleva qualidade de vida de quilombolas em União dos Palmares

No município de União dos Palmares, mais precisamente na Serra da Barriga, berço da resistência representada por Zumbi dos Palmares, o Governo de Alagoas, por meio da Secretaria de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh), recuperou uma nascente, que é usada para o abastecimento de famílias quilombolas, e inaugurou a Fonte Cristalina Dandara, elevando a qualidade de vida dos moradores da região e enriquecendo o turismo local. As ações foram realizadas na quarta-feira (20).

Dona Neusa Maria dos Santos, de 69 anos, descendente de quilombolas e moradora da região desde que nasceu, foi uma das beneficiadas com a recuperação da nascente do local. Agora, ela e sua família têm acesso a uma água de qualidade para o consumo.

“Antes a água não era assim. Às vezes, tinha um gosto diferente. A gente tentava proteger o local com telhas para que nenhuma sujeira chegasse, mas nem sempre resolvia. Agora é diferente, ela é mais fina, não tem gosto e a gente usa para fazer tudo sem medo”, conta dona Neusa.

Além da recuperação, foi criada a Fonte Cristalina Dandara, na ladeira da Serra da Barriga, com o intuito de hidratar turistas e moradores que percorrem a região, recebendo a mesma água que abastece as quase dez famílias da localidade. O nome escolhido foi uma homenagem à guerreira Dandara, que também se tornou símbolo de resistência pela luta contra a escravidão no período do Brasil Colônia.

 “A ideia inicial era fazer a recuperação apenas da fonte. Mas não sabíamos que os moradores estavam com água tão imprópria para consumo humano. Foi aí que conhecemos a dona Neusa e as famílias que consumiam essa água imprópria. Quando chegamos ao local, constatamos que era uma água muito comprometedora para a saúde. Antes da nossa intervenção, era comum que animais de várias espécies compartilhassem da mesma água dos moradores. Então, melhoramos a qualidade da água e fizemos todo tratamento, para que não houvesse risco para o consumo humano”, relata o coordenador do Programa, Adolfo Barbosa.

O Programa de Recuperação de Nascentes já recuperou, desde 2015, mais de 180 delas que estavam sem funcionamento ou prejudicadas pela ação do homem. Mais de 16 mil pessoas foram beneficiadas.

Além disso, os técnicos da Semarh capacitam os moradores das localidades, que podem repetir o processo em outras regiões, fazendo uma ação multiplicadora da ação.

Na Serra da Barriga, além de elevar a qualidade de vida dos moradores, a recuperação da nascente se tornou um atrativo às pessoas que visitam a localidade, como destaca o secretário do Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Fernando Pereira.

“O trabalho do programa de recuperação transforma toda a área de nascente em um filtro natural, protegendo de qualquer ação que possa comprometer o líquido. Além de melhorar a qualidade de vida, eleva a autoestima de todos. E aqui, conseguimos levar esse recurso hídrico aos turistas e moradores da região, com a Fonte Cristalina Dandara, que podem provar e se hidratar dessa água que um dia já serviu para saciar a sede de todo um povo que lutou por sua liberdade. É um fato histórico que podemos resgatar e compartilhar com todos que visitam a região”, enfatizou Pereira.

A ação faz parte da Maratona Hídrica, que percorrerá mais de 20 municípios nos próximos 30 dias visando levar água própria para o consumo às famílias que moram em regiões de seca e com dificuldade no acesso aos recursos hídricos.
Serão entregues nos municípios equipamentos dos programas executados pela Semarh, como os Programas Água Doce (PAD), Água Para Todos e o Programa de Microssistemas e a Recuperação de Nascentes. 

Além disso, será feito o cadastro e serão entregues outorgas para o uso da água na região do Sertão.  Também serão realizadas visitas as obras que estão em andamento.

Dentre as obras que serão entregues e as que estão em andamento, serão beneficiadas um total de mais de 4.100 famílias alagoanas, que terão água pronta para o consumo.

sexta-feira, 15 de novembro de 2019

Governo dá início às comemorações do Mês da Consciência Negra

Na manhã de hoje (14), o Governo de Alagoas iniciou as comemorações do Mês da Consciência Negra. O dia foi marcado com a inauguração da implantação e pavimentação do acesso à Serra da Barriga, em União dos Palmares. Durante a ocasião aconteceu a apresentação da Orquestra de Tambores e uma corrida na estrada agora inaugurada.

A Superintendente de Diversidade e Identidade Cultural da Secretaria de Estado da Cultura (Secult/AL) esteve presente durante na solenidade, representando a titular da pasta, Mellina Freitas. “Mais um ano realizamos diversas ações alusivas ao mês da Consciência Negra. É um período muito importante para refletirmos sobre liberdade e estarmos mais mergulhados na cultura e preservação desse patrimônio que é a Serra da Barriga”, disse Perolina.

Como forma de encerrar o dia de comemoração, a Secult, através do projeto Cultura Para Todos, leva até o município de União uma programação musical que conta com as apresentações de Vibrações, Solange Almeida, Peruano e Forrozão das Antigas. O evento é gratuito e acontece a partir das 21h.

Mais ações
Até o dia 20 de novembro acontecem em Maceió e em União dos Palmares diversas ações. O projeto “Vamos Subir a Serra”, direcionado à comunidade negra e a sociedade em geral, leva a reflexão do episódio histórico da luta pela liberdade no solo sagrado do Quilombo dos Palmares.

Com mais de 30 ações, o projeto evidencia a temática étnico-racial de forma plural, levando a interação e o pertencimento através de seminários, palestras, shows, oficinas e muito mais.

Até 17 de novembro, na Praça Multieventos, na Pajuçara, em Maceió; acontece a primeira etapa do projeto. No dia 19, as atividades acontecem na Serra da Barriga e encerrando o evento, a Mostra Quilombo de Cinema Negro, dos dias 20 a 22, no Centro Cultural Arte Pajuçara, em Maceió.

Integrando a programação, a Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo (Sedetur), realiza o 4º Festival Quilombola, que celebra a gastronomia afro-brasileira. O evento acontece entre os dias 14 e 17, das 17h às 22 horas, na Praça MultiEventos, na praia de Pajuçara, em Maceió.

Durante o evento o público poderá provar 20 pratos de 20 restaurantes diferentes. Acarajé, Erêmin Dayó, Bobó, Olóómi, Tabuleiro da Baiana e Assado com Farofa Xapanã são algumas das delícias que serão servidas ao público, todas no valor fixo de R$ 15 cada. 

A entrada é gratuita e o festival contará com apresentações artísticas e culturais.

As atividades recepcionam a data 20 de novembro, Dia da Consciência Negra, onde acontecem os tradicionais ritos na Serra da Barriga, em União dos Palmares.

Confira toda a programação nas redes sociais da Secult: @secultal.

Sugestão de legenda: 

Até o dia 20 de novembro acontecem em Maceió e em União dos Palmares diversas ações.

Fonte: TNH1

sexta-feira, 8 de novembro de 2019

20 de Novembro: Solange Almeida, Sandra de Sá e Banda Vibrações estarão em União dos Palmares

 


A cidade de União dos Palmares se prepara para comemorar em novembro o Mês da Consciência. A data foi assim designada porque, de acordo com o historiadores / professores, o líder negro Zumbi dos Palmares, rei do Quilombo dos Palmares, foi morto no dia 20 de novembro de 1695. 

A divulgação cultural do evento ainda não foi publicado, porém, o Blog JMarcelo Fotos, antecipa algumas das atrações artísticas para seus leitores.

Dia 14 de novembro, a cantora Solange Almeida, será a grande atração na inauguração da pavimentação da Serra da Barriga. Solange é cantora e compositora natural da cidade de Alagoinhas na Bahia, já integrou as bandas: Cavaleiros do Forró, Caviar com Rapadura, Banda G e Aviões do Forró.

Só na banda Aviões do Forró a mesma permaneceu por 14 anos liderando a banda juntamente com o cantor Xand Avião. A artista já esteve em nosso município realizando show.

Dia 19 de novembro, na Praça Basiliano Sarmento, quem se apresenta é a cantora e compositora carioca Sandra de Sá, representante da Música Popular Brasileira (MPB), com denso enfoque em black music mundial. Considerada uma das maiores cantoras da Música Popular do Brasil.

Dia 20 de novembro, conforme falou uma fonte ao blog uma das atrações será a banda Vibrações o grupo é natural de Maceió, e surgiu no ano de 1998.
Vibrações arrasta uma multidão de apaixonado pelo reggae original jamaicano e da turma que ama boa nacional. Com influências diversas, traz na bagagem a sua autenticidade na estrutura rítmica contagiante dos batuques afro-brasileiros e indígenas, nas letras de denúncia social, mescladas com o apelo urgente pela não-violência, baseada na paz, amor e justiça para com os desfavorecidos.


A programação completa da programação sairá nos próximos dias.
  
II BERIMBALADA DE PALMARES 



 

LEIA TAMBÉM:

 A História de "Dona" FLAMBOYANT, Moradora de União dos Palmares