Pages

terça-feira, 14 de agosto de 2018

Dandara dos Palmares vira heroína da Pátria


A Câmara dos Deputados aprovou por unanimidade a inscrição do nome de Dandara dos Palmares no Livro de Heróis e Heroínas da Pátria. O projeto de lei nº 6.590/16 é de autoria do deputado federal Valmir Assunção (PT-BA) e agora segue para o Senado Federal.

Assunção entende a aprovação como uma vitória do movimento negro no País.
– Dandara sem dúvida alguma é uma guerreira do Brasil.

O livro fica no Panteão da Pátria e da Liberdade Tancredo Neves, em Brasília, e guarda a memória de personagens importantes da história do Brasil, que tenham oferecido a vida à Pátria, com excepcional dedicação e heroísmo.

A socióloga, ativista e ouvidora-geral da Defensoria Pública do Estado da Bahia, Vilma Reis, saudou a iniciativa:

– Para o Brasil e para o trabalho de várias ativistas negras, é importante feminilizar a história e entrar no panteão de heróis nacionais. Alcançar esses espaços é essencial para o tipo de memória que queremos registrar – avaliou.

Quem foi – Dandara viveu na segunda metade do século XVII, na região da Serra da Barriga, mais precisamente no Quilombo dos Palmares, na então capitania de Pernambuco, hoje pertencente ao município de União dos Palmares, no estado de Alagoas. Esposa de Zumbi dos Palmares, com quem teve três filhos, foi uma das lideranças femininas negras que lutaram contra o sistema escravocrata do século XVII. Participou de todos os ataques e defesas da resistência de Palmares, e na condição de líder chegou a questionar os termos do tratado de paz assinado por Ganga-Zumba e o governo português, posicionando-se contra, ao lado de Zumbi.

segunda-feira, 13 de agosto de 2018

Sucesso de público, livro Mosaicos do Tempo será lançado em União no dia 22

 O lançamento do livro Mosaicos do Tempo, da jornalista Olívia de Cássia, no Museu da Imagem e do Som (Jaraguá), completou uma semana nesta…

O lançamento do livro Mosaicos do Tempo, da jornalista Olívia de Cássia, no Museu da Imagem e do Som (Jaraguá), completou uma semana nesta sexta-feira (10). Atraiu um público bastante interessado nas investigações da jornalista sobre os casos da doença de Machado-Joseph na própria família além de histórias orais, que passaram de geração a geração, em União dos Palmares.

Mosaicos do Tempo é uma auto-biografia da jornalista, que situa suas histórias- desde a infância- no contexto histórico-social brasileiro, unindo as curiosidades de União, principalmente no “pé” da Serra da Barriga, às margens do rio Mundaú, na antiga rua da Ponte.

No dia 22, ele será lançado em União dos Palmares, no Museu Casa Maria Mariá. de 15 a 17 de agosto estará na Flijaça, a feira de livros do bairro do Jacintinho, em Maceió.

“Recebi até uma carta, de uma mulher emocionada, dizendo que leu meu livro. Fico surpresa com tantas pessoas interagindo porque este livro é a mensagem de uma pessoa que ama viver”, diz a jornalista.

Mosaicos do Tempo é vendido na livraria Bê a Bá, no bairro do Farol (rua Ângelo Neto, Farol), telefone: 82 3336-8277.

Fonte: Repórter Nordeste

Ser Professor



Ser Professor

Sou professora sou docente,
Trabalho com a alma, com amor e com a mente.
Esse exercício constante
que à profissão é dedicado
exige carinho e respeito do verdadeiro mestrado,
para lidar com o diferente,
com alunos e seu legado.
No campo da educação
muitos são seus predicados,
os desafios são constantes
exigindo do seu mestre
paciente, paixão e liberdade.
Para ser um bom professor
precisa-se de um grande apanhado,
sem esquecer dos cuidados
que não se forma indivíduos
sem compreensão, moral e dignidade..
Isa Verbena

sábado, 11 de agosto de 2018

Rede social para negros será lançada em União dos Palmares

Coletivo empresarial Favela Holding lançará a rede social Black & Black, na Serra da Barriga

Com o intuito de promover uma maior interação entre pessoas negras, o CEO da Favela Holding, Celso Athayde, vai lançar a rede social Black & Black, em versão beta, no próximo dia 15 de agosto, na histórica Serra da Barriga. O berço histórico da luta contra a escravidão fica em União dos Palmares (AL), que sediou o quartel general do Quilombo dos Palmares.

A Favela Holding explica a escolha do local como forma de unir a tradição e a modernidade, lançando a rede social indicada para o público negro, aonde os escravos fugitivos negros viveram em sociedade no século XVII. Sua meta é alcançar 30 milhões de usuários, até dezembro.

“Vamos lançar a Black & Black sob a proteção dos nossos ancestrais. A energia da Serra da Barriga é muito importante para a nossa causa, ela é a convergência de tudo que a Black & Black deseja representar. Vamos reunir em uma única plataforma todas as ações que os negros estão realizando, que não são poucas. O fato é que elas vão se diluindo nos veículos dos não negros”, disse o idealizador do projeto, Celso Athayde.

A plataforma em versão beta será lançada como a primeira do mundo a ter o objetivo de construir uma agenda integrada entre internautas negros, desenvolvida pela empresa Plah. E os primeiros usuários da rede serão os moradores de União dos Palmares. Para isso, já estão registrados 107 moradores na plataforma antecipadamente, representando o histórico local e protagonizando a conexão com essa nova história.

“A Black & Black, como toda grande família democrática, será aberta à liberdade de pensamento e aos debates e aos mais diversos estímulos culturais, políticos e sociais, sempre dentro do respeito. Queremos que todos se sintam em casa. A Black & Black será um grande encontro de família”, diz o material de divulgação da rede social.

No dia do lançamento, haverá coletiva de imprensa com os representantes da Black & Black: Nega Gizza, Anderson Quack e Preto Zezé.

Fonte: Diário do Poder  

sexta-feira, 10 de agosto de 2018

Em União dos Palmares, prefeito Kil assina ordem de serviço para construção de quadra poliesportiva

 
O prefeito Areski Freitas (Kil), de União dos Palmares, assinou nesta sexta-feira, 10, junto com a secretária de educação, Rimelc Shirley, mais uma ordem de serviço importante para o município. Se trata da construção de uma quadra poliesportiva para o povoado Laginha, onde funcionava a antiga usina. A obra, que é federal, é parte do recurso de cerca de R$450.000,000 destinado ainda a viabilização de mais uma quadra para a cidade. 
Assim como foi anunciado na ordem para a creche pública do conjunto Newton Pereira, a pedido do prefeito, a empresa vencedora da licitação deve empregar mão de obra local, gerando mais emprego e renda para União. 
“Mais uma conquista para nossa educação, que vem a cada dia avançando com novas creches, reforma nas escolas, profissionais capacitados e índices de aprendizagem em constante aumento”, finalizou a secretária de educação.
Na solenidade, estiveram presentes secretários, representantes do poder legislativo e outras autoridades. 
Secom

quinta-feira, 9 de agosto de 2018

Prefeitura de União inicia mais uma edição da Semana do Estudante


A Prefeitura, através da Secretaria de Infância e Juventude, deu início a mais uma edição de programação da Semana do Estudante. Na abertura foram  contemplados os alunos da rede municipal de ensino, as atividades do Programa Novo Mais Educação foram ofertadas na Praça Basiliano Sarmento para alunos do ensino fundamental I, nesta terça-feira, 08. Os profissionais do programa garantiram a diversão das crianças com muitos jogos e brincadeiras educativas.
Na programação ainda consta aulas de capoeira e zumba, visita ao espaço memorial Artesã Irinéia Rosa Nunes da Silva, palestra sobre gênero e sexualidade, jogos estudantis, o 1º encontro municipal da voz e vez adolescentes e encerrando com a festa do estudante, no sábado, dia 11, com as atrações Pitu, o Rei da Farra e a banda A Máquina.
“É uma programação que visa unir diversão e aprendizagem, ofertando ao estudante palmarino uma semana completa de lazer e educação”, explicou o prefeito do município Areski Freitas.
 
Secom

quinta-feira, 2 de agosto de 2018

Alunos da Antonio Gomes visitam pontos turísticos, históricos e educacionais de União dos Palmares

Hoje, 02, um grupo de alunos do ensino fundamental II da Escola Municipal Dr. Antonio Gomes de Barros, situada no distrito de Rocha Cavalcante, participou da aula de campo "Trilhas Palmarinas: Metodologias de Ensino em Espaços Socioculturais, Históricos e Ambientais da Cidade de União dos Palmares" que faz parte do projeto Nós Propomos com o professor Dr. José Lidemberg de Sousa Lopes do Campos V. 

O estudo do meio ambiente proporciona aos estudantes palmarinos um olhar mais atento sobre o município. Não apenas prestar atenção nas modificações que vêm ocorrendo ao longo dos anos nos espaços geográficos, além disso possibilita ao estudante valorizar e passar adiante o que foi apreendido.

A cada parada os alunados iam se empolgando com o roteiro. A velha estação ferroviária, nos tempos áureos movimentava a economia de União dos Palmares, era ponto de chegada e partida de pessoas e mercadorias, hoje, encontra-se abandonada em toda o país. Apenas as linhas de Maceió, Satuba e Rio Largo funcionam aqui em Alagoas.

As informações recebidas in loco pelos adolescentes farão diferença em suas próximas visitas a esses locais. Também estavam incluídos no roteiro a praça e Escola Estadual Rocha Cavalcanti, Museu Maria Mariá, Casa Jorge de Lima, rua / comércio e finalizando no Campus Zumbi dos Palmares da Universidade Estadual de Alagoas (Uneal), as margens da BR 104. 

A diretora do Rocha Cavalcanti, Maria Aparecida Lopes (Cidinha), recepcionou os alunos e explicou como funciona a escola nos dias de hoje. O colégio que junto com o prédio onde nasceu o poeta Jorge de Lima são os únicos tombados aqui no município.

Queremos aqui deixar registrado os nossos agradecimentos ao professor Lidemberg Lopes, a professora Cidinha, a monitora Valquíria da Silva e principalmente a direção da escola Antonio Gomes, nos nomes de Sandra Vieira, Bernadete Lourenço (Bel), e da coordenadora Cleonice da Silva por não medir esforços para o aprendizado dos estudantes.



#É amanhã #Saúde


A vacina contra a poliomielite, também conhecida como VIP ou VOP, é uma vacina que torna a criança protegida contra 3 tipos diferentes do vírus que causa esta doença, conhecida popularmente como paralisia infantil.
Para garantir a melhor proteção é preciso tomar 5 doses da vacina, sendo recomendado pelo Organização Mundial de Saúde (OMS) que as primeiras 3 doses devem ser aplicadas por meio de uma injeção (VIP) no músculo da coxa do bebê e as outras 2 doses podem ser feitas por injeção ou por gotinhas orais (VOP).
Desta forma, a vacinação completa contra poliomielite deve estar de acordo com o esquema:
  • 2 Meses: através de injeção - VIP;
  • 4 Meses: através de injeção - VIP;
  • 6 Meses: através da injeção - VIP;
  • 15 Meses: aplicadas 2 gotas na boca ou injeção - VOP ou VIP;
  • 4 Anos: aplicadas 2 gotas na boca ou injeção - VOP ou VIP.
  • Assim, todas as crianças até os 5 anos devem participar do programa da vacinação contra a poliomielite e é importante que os pais levem a caderneta de imunização para registrar a administração das vacinas. Veja quais as outras vacinas que fazem parte do calendário de vacinação infantil.
  • Preço da vacina contra poliomielite
  • A vacina contra poliomielite é gratuita e é oferecida pelo Sistema Único de Saúde, devendo ser aplicada nos postos de saúde por um enfermeiro ou técnico de enfermagem.Quando tomar a vacina
    A vacina contra a paralisia infantil deve ser feita a partir das 6 semanas de vida e até os 5 anos de idade. No entanto, pessoas que não fizeram esta vacina podem fazer a vacinação, mesmo na idade adulto.

    Como deve ser o preparo

    Para tomar a vacina injetável (VIP) não é necessário qualquer tipo de preparo especial, no entanto, caso o bebê faça a vacina oral (VOP) é aconselhado interromper o aleitamento materno até 1 hora antes, para evitar o risco de golfar. Caso o bebê vomite ou golfe após a vacina, deve-se fazer uma nova dose, para garantir a proteção.

    Quando não se deve tomar

    A vacina contra poliomielite não deve ser administrada em crianças com sistema imune enfraquecido causado por doenças como AIDS, câncer ou após transplante de órgãos, por exemplo. Nesses casos, a crianças deve primeiro ir no pediatra e, caso este indique a imunização contra a poliomielite, fazer a vacina em Centros de Referência de Imunobiológicos Especiais.
    Além disso, a vacinação deve ser adiada no caso da criança se encontrar doente, com vômitos ou diarreia, pois a absorção da vacina pode não ocorrer. Saiba quando a vacinação é contraindicada.Possíveis efeitos colaterais da vacina
    A vacina contra a paralisia infantil raramente apresenta efeitos colaterais, mas quando estes surgem são a febre, mal estar, diarreia e dor de cabeça. Caso a criança comece a apresentar sintomas de paralisia, uma complicação extremamente rara, os pais devem levá-la ao hospital o mais rápido possível. Veja quais os principais sintomas de poliomielite.
    Além desta vacina, a criança precisa de tomar outras vacinas como contra a Hepatite B ou Rotavírus, por exemplo. Conheça o calendário completo em: Calendário de vacinação do bebê.