Pages

terça-feira, 28 de julho de 2015

Pague meu dinheiro! Polêmica de Thalles em União dos Palmares continua na justiça

Dois anos depois do evento que marcou o ministério do cantor Thalles Roberto, como a primeira das grandes polêmicas em sua carreira. 

Ainda não se tem nenhuma definição exata sobre o que aconteceu naquele fatídico dia 18 de Julho de 2013, data em que estaria previsto o maior evento gospel da história da cidade de União dos Palmares, tendo Thalles como atração principal.

O fato é que mesmo estando na cidade, e tendo recebido R$42 mil, Thalles decidiu não subir ao palco.

Thalles diz que houve quebra de contrato, porquê o organizador não pagou R$22 mil restantes.
 
Ivonélio (Organizador), diz que de fato, não conseguiu os R$22 mil, mas tentou pagar com cheque, e até ofereceu um carro.

Já as mais de 400 pessoas que pagaram uma média de R$25 reais para assistir ao show, simplesmente nunca foram informados sobre quando receberiam o dinheiro de volta, já que, não houve o evento.

Por fim, Ivonélio Abraão decidiu entrar na justiça contra o Thalleco naquele mesmo ano, e pede uma indenização no valor de R$100 mil reais.
 
Os detalhes do processo seguem em segredo de justiça, mas é possível acompanhar alguns detalhes superficiais, no site do TJ-AL.
 
Basta clicar neste link: http://www2.tjal.jus.br/cpopg/show.do?processo.codigo=1K0000C930000&processo.foro=56

Será que Ivonélio pretende devolver a grana das pessoas, se ganhar esses R$100 mil?

Comente

Algumas perguntas sobre o NÃO desenvolvimento cultural de União dos Palmares


Por que, afinal de contas, não temos em União dos Palmares festival de música negra? 

Por que não vemos eventos anuais de gastronomia, dança, teatro, fotografia, desenho afro brasileira em União? 

Por que não podemos visitar a Serra da Barriga na época do inverno? Por que não temos exposições de objetos do cotidiano dos negros e índios espalhados fora de União, para que palmarinos e visitantes possam apreciar?

  
Por que na Serra da Barriga não encontramos bottons, camisetas, artesanatos da cultura palmarina à venda? 

Por que as lojas e estabelecimentos comerciais de União dos Palmares não ornamentam seus comércios em novembro, que é o Mês da Consciência Negra?  

Por que não vemos estátuas de Zumbi dos Palmares nas lojas e residências dos palmarinos? 

Por que cidades menores conseguem atrair visitantes com festivais, como, por exemplo, o Festival do Palito, Peixe, Fruta, Natureza , Animal, etc; e, em União dos Palmares, as coisas não passam dos debates em redes sociais?

  
Por que os conterrâneos palmarinos não se identificam com a cultura africana? 

Por que os políticos e a sociedade de União dos Palmares não traçam um plano para desenvolver o turismo étnico? Enfim, vai "BOMBAR" nossa cultura?

Alguém sabe as respostas?
 

Mas fotos (AQUI)

sábado, 25 de julho de 2015

União dos Palmares e mais 11 municípios alagoanos vão aderir ao Moradia Legal II nesta segunda-feira (27)

Mais 12 municípios firmarão convênio com o Tribunal de Justiça de Alagoas (TJ/AL), na próxima segunda-feira (27), para adesão ao programa Moradia Legal II. Ao todo, 50 cidades serão cobertas pelo programa, representando metade do Estado de Alagoas. O programa do Poder Judiciário busca regularizar, gratuitamente, a documentação de imóveis de pessoas com menor poder aquisitivo.

Representantes dos municípios de Paripueira, União dos Palmares, Lagoa da Canoa, Colônia Leopoldina, Coruripe, Cajueiro, Mar Vermelho, Belo Monte, Água Branca, Rio Largo, São Luiz do Quitunde e Feira Grande participarão de reunião, às 10h30, na sede do TJ/AL, com o presidente Washington Luiz Freitas e o juiz Carlos Cavalcanti de Albuquerque Filho, coordenador do Moradia Legal.

Participantes

O programa conta hoje com 38 municípios beneficiados. São eles: Marechal Deodoro, São José da Tapera, Pão de Açúcar, Mata Grande, Inhapi, Poços das Trincheiras, Maragogi, Cacimbinhas, Delmiro Gouveia, Boca da Mata, Girau do Ponciano, Olivença, Pariconha, Teotônio Vilela, Campo Grande, Junqueiro, Penedo, Barra de São Miguel, São Sebastião, Senador Rui Palmeira, Major Izidoro, Jacaré dos Homens, Olho D'água das Flores, Carneiros, Maribondo, São Miguel dos Campos, Barra de Santo Antônio, Limoeiro de Anadia, Piaçabuçu, Paulo Jacinto, Pilar, Ouro Branco, Murici, Roteiro, Igaci, Taquarana, Porto Calvo e Quebrangulo.

Os gestores interessados em inscrever os municípios que administram deverão procurar a Corregedoria, no segundo andar do prédio do Tribunal de Justiça. Já o cidadão de menor poder aquisitivo interessado na regularização de seu imóvel pode procurar a Prefeitura para saber se esta participa ou vai participar do programa. A organização do cartório e a disponibilidade do município em realizar a parceria com a Justiça, além da renda dos moradores, servirão como critérios para firmar o convênio.
  
Fonte: Aqui Acontece

É hoje em União dos Palmares


É hoje em União dos Palmares


É hoje em São José da Laje

quinta-feira, 23 de julho de 2015

Dona Irinéia - União dos Palmares



Leia também:

Blogueiro de Murici entrevista a artesã Irinéia Nunes. AQUI 

A Artesã Irinéia Rosa. AQUI

"Eu adoro trabalhar com barro" Laelson Artesão. AQUI

quarta-feira, 22 de julho de 2015

Viva Santa Maria Madalena!!!

Natural de Mágdala, na Galileia, Maria Madalena foi contemporânea de Jesus Cristo, tendo vivido no Século I. O testemunho de Maria Madalena é encontrado nos quatro Evangelhos:

"Os doze estavam com ele, e também mulheres que tinham sido curadas de espíritos maus e de doenças. Maria, dita de Mágdala, da qual haviam saído sete demônios..." (Lc 8,1-2).

Após ter sido curada por Jesus, Maria Madalena coloca-se a serviço do Reino de Deus, fazendo um caminho de discipulado, de seguimento a Nosso Senhor no amor e no serviço. E este amor maduro de Maria Madalena levou-a até ao momento mais difícil da vida e da missão de Nosso Senhor, permanecendo ao lado d'Ele:

"Junto à cruz de Jesus estavam de pé sua mãe e a irmã de sua mãe, Maria de Cléofas, e Maria Madalena" (Jo 19,25).

Maria Madalena foi a primeira testemunha da Ressurreição de Jesus:
"Então, Jesus falou: 'Maria!' Ela voltou-se e exclamou, em hebraico: 'Rabûni!' (que quer dizer: Mestre)" (Jo 20,16).

A partir deste encontro com o Ressuscitado, Maria Madalena, discípula fiel, viveu uma vida de testemunho e de luta pela santidade.

Existe também uma tradição de que Maria Madalena, juntamente com a Virgem Maria e o Apóstolo João, foi evangelizar em Éfeso, onde depois veio a falecer nesta cidade.

O culto à Santa Maria Madalena no Ocidente propagou-se a partir do Século XII.

Santa Maria Madalena, rogai por nós!

Blog Capela Nossa Senhora de Fátima

Viva Santa Maria Madalena!!!

 
Biografia de Santa Maria Madalena. AQUI 

Lembrando que você leitor/amigo pode entrar em contato comigo através do Facebook, AQUI na comunidade do blog e AQUI, onde vocês encontram conteúdo exclusivo e, ainda, pode me seguir no Twitter no @jmarcelofotos

Hino de Santa Maria Madalena


Click na foto pra ver em tamanho normal